Notícias

17
Out

Encontros PNAID 2023

 

Viana do Castelo acolhe a edição 2023 do maior evento português de investidores da diáspora. Os Encontros PNAID (Programa Nacional de Apoio ao Investimento da Diáspora) rumam ao Minho nos próximos dias 14 a 16 de dezembro com o objetivo de promover o investimento, fomentar as exportações e apoiar a internacionalização dos negócios locais através do potencial empreendedor das comunidades portuguesas.

Mais informação em: https://www.encontrosdiaspora.pt/

 

16
Out

PNAES | Dia Mundial da Alimentação

A ADRAT, em parceria com a CIMAT e a colaboração do Município de Montalegre, celebrou o Dia 16 de Outubro, em que se comemora o Dia Mundial da Alimentação, junto dos alunos do pré-escolar e do 1º ciclo do Agrupamento de Escolas Dr. Bento da Cruz, através de uma atividade lúdico-pedagógica. Nesta atividade, foram transmitidos conhecimentos sobre a Dieta Mediterrânica, alimentação saudável e sustentável bem como o consumo local, através de um jogo onde o espírito crítico e o reforço do envolvimento das crianças no cultivo, preparação e consumo de produtos locais tiveram um papel central. Foi ainda distribuído um livro com ilustrações e desafios que os alunos puderam levar para casa e desta forma dar a possibilidade de envolver os encarregados de educação na comemoração do Dia Mundial da Alimentação.

 

16
Out

16 de Outubro | Dia Mundial da Alimentação

 

Hoje, 16 de Outubro, celebra-se o Dia Mundial da Alimentação. Este ano, com o tema “Água é vida, água é alimento. Não deixar ninguém para trás”, pretende-se sensibilizar para o gasto e consumo eficiente da água, não ver a água como garantida e melhorar a forma como a usamos no quotidiano. Desta forma, poderemos ambicionar por um futuro alimentar mais sustentável.

 

16
Out

Prémio Nacional de Agricultura 2023

 

Estão abertas, até 31 de outubro, as candidaturas à 12ª edição do Prémio Nacional de Agricultura (PNA). A iniciativa é promovida pelo BPI e pela Cofina (Correio da Manhã e Jornal de Negócios) e conta com o patrocínio do Ministério da Agricultura e o apoio da PwC.

Ao longo de onze anos, o prémio distinguiu cerca de 150 projetos notáveis e inspiradores e, nesta edição, mantém o compromisso de reconhecer e promover os casos nacionais de sucesso e com impacto na agricultura.

A edição deste ano apresenta algumas alterações, aproximando o prémio aos principais desafios do setor agrícola. Nesse sentido, as categorias a concurso foram organizadas em dois eixos principais – Sustentabilidade e Inovação – e foi criada uma categoria especial, com objetivo de reconhecer entidades relevantes ou projetos que promovam a investigação, o conhecimento e o envolvimento do Sistema Científico e Tecnológico Nacional na procura das melhores soluções para o setor.

Para candidaturas e mais informações, consulte o site oficial do prémio aqui https://www.premioagricultura.pt/

 

13
Out

31 outubro | Alargamento do período de candidaturas ao PNA 2023

 

Atendendo a que uma parte significativa do período de candidatura ao Prémio Nacional do Artesanato 2023 (com início em 1 de junho de 2023 e termo em 30 de setembro de 2023) ocorreu numa altura do ano em que os artesãos e Unidades Produtivas Artesanais terão tido como maior foco a participação em certames de promoção do artesanato e, como tal, com reduzida disponibilidade para a preparação de candidatura, o Conselho Diretivo do Instituto do Emprego e da Formação Profissional, I.P. (IEFP, I.P.), nos termos do disposto no n.º 3 do artigo 12.º do Decreto-Lei n.º 122/2015, de 30 de junho, deliberou, em 3 de outubro de 2023, alterar a data de encerramento das candidaturas ao Prémio Nacional do Artesanato para 31 de outubro de 2023.

Categorias e Prémios:
– Grande Prémio Carreira (4.000€)
– Prémio Empreendedorismo e Inovação (3.500€)
– Prémio Jovens Talentos (3.500€)
– Prémio Investigação (2.000€)
– Prémio Promoção para Entidades Privadas (2.000€)
– Prémio Promoção para Entidades Públicas

As candidaturas devem ser efetuadas através de formulário próprio disponível no website do IEFP, mais precisamente  AQUI , o qual, à semelhança da restante documentação referida no Regulamento do PNA 2023 (em anexo), deverá ser remetido por correio eletrónico para o endereço premionacionalartesanato@iefp.pt.

Para obter informações mais detalhadas ou esclarecer dúvidas:
– Leia atentamente o regulamento (há alterações importantes nesta edição)
– Utilize o email: iefp.info@iefp.pt
– Contacte o IEFP pelo telefone 215 803 555 (dias úteis das 8h às 20h)
– Dirija-se a um centro de emprego ou centro de emprego e formação profissional

Regulamento: Regulamento do prémio artesanato 2023

12
Out

Promoção e divulgação do projeto “Alimentação Segura no Alto Tâmega e Barroso” | Rádio Montalegre

 

A ADRAT marcou presença no programa “Sintonias” da Rádio Montalegre, no qual, a convite da Biblioteca de Montalegre, divulgou o projeto “Alimentação Segura no Alto Tâmega e Barroso” inserido no PNAES (Programa Nacional da Alimentação Equilibrada e Sustentável).

O projeto tem como objetivos estimular a produção local, promover a adoção de sistemas de produção e distribuição mais sustentáveis com base nas cadeias curtas de abastecimento e nos sistemas alimentares locais, valorizar os produtos endógenos de qualidade, valorizar e salvaguardar a Dieta Mediterrânica e sensibilizar e aconselhar a população em geral para uma alimentação nutricionalmente equilibrada e informada.

A edição do programa foi emitida dia 3 de Outubro de 2023 (13:00 e 22:00) com reposição nos dias 7 e ou de Outubro (8:00).

11
Out

ABERTURA DE AVISOS DO PORTUGAL 2030 PARA INVESTIMENTOS TERRITORIAIS INTEGRADOS (ITI) REDES URBANAS

 

Estão abertos até 30 de novembro, os Avisos que vão permitir aos centros urbanos de diferentes regiões construírem e concretizarem parcerias (Redes Urbanas) para investimentos comuns com o apoio de fundos europeus.

Estas Redes, lideradas por um centro urbano, podem ainda integrar associações, incluindo empresariais, serviços da administração central, instituições do ensino superior, entre outras.

Constituem um instrumento inovador do Portugal 2030 para que, em cooperação, estes centros urbanos possam responder a desafios ou apostas comuns escolhidas por si, através de investimentos partilhados. Os projetos submetidos devem estar enquadrados nas seguintes temáticas:

  • “Redes de Cidades Inovadoras e Competitivas”: apostar na criação de ecossistemas de inovação e criação cultural; valorizar o património cultural e natural; atrair empresas e novos residentes; qualificar a oferta turística.
  • “Redes de Cidades Sustentáveis”: promover ambientes urbanos adaptados às novas realidades climáticas; incentivar formas de mobilidade sustentável e acelerar a descarbonização; apostar na economia circular, eficiência energética e hídrica.
  • Estratégias de digitalização para criar respostas inovadoras e fomentar territórios inteligentes.

A dotação dos presentes Avisos distribui-se da seguinte forma:

(i)           Norte: 1.4 milhões de euros (comparticipação máxima até 85%);

*O Norte abriu ainda um Aviso dedicado a Redes dentro da própria Região, com uma dotação de 13.6 milhões de euros;

(ii)          Centro: 25 milhões de euros (comparticipação máxima até 85%);

(iii)         Lisboa: 1 milhão de euros (comparticipação máxima até 40%);

(iv)         Alentejo: 15.9 milhões de euros (comparticipação máxima até 85%);

(v)          Algarve: 23.9 milhões de euros (comparticipação máxima até 60%).

Nesta 1ª fase, deverão ser apresentadas iniciativas estratégicas e planos de ação que, consoante a natureza e qualidade da parceria, a coerência da proposta e o valor acrescentado da mesma, serão avaliadas com vista à qualificação para a fase seguinte.

A apresentação das candidaturas é feita no Balcão2030 (https://balcaofundosue.pt/ ). Para mais informações, podem ser contactadas as CCDR ou a Linha dos Fundos (linhadosfundos@linhadosfundos.pt /800 10 35 10 – linha gratuita).

 

 

10
Out

27 outubro | Dia Europeu do Vinho | Toulouse – França

 

Tem lugar no próximo dia 27 de outubro, em Toulouse – França, o Dia Europeu do Vinho.

Para mais informação sobre o evento, programa e inscrições: https://journee-europeenne-du-vin.site.calypso-event.net/

9
Out

20 e 21 outubro | Jornadas de Juventude da Eurorregião Galiza-Norte de Portugal | Chaves

A Eurocidade  juntamente com a Federação Nacional das Associações Juvenis  organizam as Jornadas de Juventude da Eurorregião Galiza-Norte de Portugal nos próximos dias 20 e 21 de outubro em Chaves. Estas Jornadas pretendem reunir jovens do Norte de Portugal e da Galiza, tendo como foco a participação dos/as jovens no desenvolvimento e potencial das Eurorregiões; em temas como a inclusão, a cultura, a cooperação e formação e emprego jovem.

As inscrições são gratuitas, mas limitadas e incluem: refeições, alojamento, transporte (ou despesas com o transporte) e certificado de participação.

Inscrição (até 13/10/2023): https://fnaj.pt/index.php/noticias/item/114

Estas jornadas são organizadas pela FNAJ – Federação Nacional das Associações Juvenis  no âmbito do projeto Eurocidade 2030, coordenado pela Eurocidade Chaves-Verín, AECT,  e demais parceiros o IPDJ – Instituto Português do Desporto e Juventude, I.P., la Fundación Galicia Europa e a Dirección Xeral de Xuventude da Xunta de Galicia (Xuventude Galicia).

http://xuventude.xunta.es/images/Novas/2023/Programa_Jornadas_Juventude_Euroregi%C3%A3o.pdf

6
Out

ABERTURA DOS PRIMEIROS AVISOS DO PORTUGAL 2030 PARA A TRANSIÇÃO JUSTA

 

Estão abertos os primeiros avisos do PT2030 para ajudar os territórios portugueses no processo de transição para uma economia menos dependente do carbono, mais resiliente e mais competitiva.

O Fundo para a Transição Justa (FTJ), cujo montante global para o atual ciclo de fundos comunitários PT2030 ascende a 240 milhões de euros, é uma oportunidade para que as regiões possam responder aos impactos sociais, económicos e ambientais decorrentes do processo de transição.

Em Portugal, serão beneficiadas por apoios do FTJ as Regiões do Norte, Centro e Alentejo.

Os avisos atualmente disponíveis para a submissão de candidaturas são quatro.

Na Região Norte, através do Norte 2030, e em dois avisos distintos, são disponibilizados 2,5 milhões de euros para a criação ou expansão de microempresas, envolvendo um projeto de investimento e a criação do próprio emprego ou de outros postos de trabalho e apoiar a reconversão profissional dos trabalhadores diretamente afetados pelo encerramento da refinaria de Matosinhos.

Na Região Centro, através do Centro 2030, são disponibilizados 30 milhões de euros para investimentos em atividades inovadoras e qualificadas que conduzam à diversificação, modernização e reconversão económica do território do Médio Tejo, afetado pelo encerramento da Central Termoelétrica do Pego. O concurso dirige-se a Grandes Empresas (Não PME), permitindo-lhes ter apoio na produção de bens e serviços transacionáveis e internacionalizáveis com relevante criação de valor

económico para a região, sobretudo nos setores das Energias Renováveis e Clima, dos Materiais, Tecnologias de Produção, Recursos Naturais (incluindo a água, a floresta e o agroalimentar) e Bioeconomia.

Na Região Alentejo, através do Alentejo 2030, são disponibilizados 15 milhões de euros para investimentos de natureza inovadora que se traduzam na produção de bens e serviços transacionáveis e internacionalizáveis, com elevado valor acrescentado, que se localizem na sub-região Alentejo Litoral.

As condições e prazos dos Avisos estão disponíveis em Portugal2030 e a apresentação das candidaturas é feita no Balcão2030. Para mais informações, podem ser contactados o Programa Centro 2030 (+351 239 400 100; centro2030@ccdrc.pt), o Programa Norte 2030 (+351 22 766 2020; norte2030@ccdr-n.pt ) ou a Linha dos Fundos (linhadosfundos@linhadosfundos.pt  /800 10 35 10 – linha gratuita).