3
Nov

13 de Dezembro | Conferência sobre Alterações Climáticas | Lisboa

O Centro Nacional de Competências para as Alterações Climáticas do Sector Agroflorestal (CNCACSA) vai organizar no próximo dia 13 de Dezembro, na Sociedade de Geografia de Lisboa, sita na Rua das Portas de Santo Antão, uma Conferência subordinada ao tema “Alterações Climáticas: Como nos adaptarmos a esta nova realidade?”.

Mais informações em: https://www.rederural.gov.pt/12-informacao/6213-conferencia-sobre-alteracoes-climaticas-reune-em-lisboa-alguns-dos-principais-especialistas-nacionais-2 

26
Out

17 novembro | Floresta e Agricultura: paisagem resiliente da região Norte de Portugal  | UTAD

 

A equipa do projeto ResAlliance, constituída por docentes e investigadores do Instituto Superior de Agronomia (ISA) e da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), está a realizar um evento de arranque deste projeto que decorre até final de 2025. O projeto visa a disseminação de conhecimento e a capacitação dos setores setor agrícola e florestal, enfrentando quatro áreas distintas: finanças/economia, gestão, governança/políticas e novas tecnologias.

O evento, a realizar a 17 de Novembro na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro – Auditório de Ciências Florestais, Quinta de Prados, Vila Real tem como tema: Floresta e Agricultura: paisagem resiliente da região Norte de Portugal.

Mais informações em: https://mailchi.mp/8bb91a76ea93/teste-mailchimp-13548904?e=8738f8ed59&fbclid=IwAR0OC-lBqS940jBomiA9r4idwsnjxonuQTOCA3Jz9Q71SRJcnAHKx52QXtE

11
Jul

26 e 27 de julho | Conferência online “Sistemas agroflorestais no mundo: diferenças e semelhanças”

A IUFRO – União Internacional de Organizações de Pesquisa Florestal promove online, a 26 e 27 de julho, uma conferência que tem por objetivo analisar e debater os diferentes modelos e práticas aplicadas em sistemas agroflorestais em diferentes zonas do globo, abordando desde as espécies, fileiras e produtos às opções de gestão.

Para mais informação: https://florestas.pt/noticias-e-agenda/sistemas-agroflorestais-no-mundo-diferencas-e-semelhancas/

19
Jun

20 Junho | Bioeconomia Florestal em tempos desafiantes | Porto

 

No dia 20 de Junho, no PORTO, estará em debate a Bioeconomia Florestal, as tecnologias, mercados e politicas nacionais e europeias para as florestas, num seminário organizado pela FORESTIS.

Mais informação sobre o programa aqui: https://forestis.pt/destaques,0,1956.aspx

Para se inscrever: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdbsz0KngRa_6PG3Q3mTOO6mCuCQDiod0DZxLQVVRPlw87zwg/viewform

6
Dez

1.º Encontro de Sistemas Agroflorestais de Sucessão debate contributo para o futuro da agricultura biológica

A Escola Superior Agrária de Coimbra organiza o 1.º Encontro de Sistemas Agroflorestais de Sucessão, onde se pretende dar a conhecer o contributo dos sistemas agroflorestais de sucessão para o futuro da agricultura biológica.

O evento, em parceria com a DRAP Centro — Direção Regional de Agricultura e Pescas do Centro, a realizar-se em formato hibrido, presencial e online, terá lugar no dia 15 de Dezembro de 2021, a partir das 9 horas, nas instalações da Escola Superior Agrária de Coimbra.

O evento é gratuito mas de inscrição obrigatória https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScq-uKJzzgl1eKnUkGH-Y4SRmKxu-WGodOufD_BzECIO_d3Kw/viewform

 

19
Ago

Projeto “Floresta Comum”

Candidaturas Abertas | Projeto “Floresta Comum”

Está aberta nova fase de candidaturas a plantas do projeto Floresta Comum de fomento e incentivo à criação de uma floresta autóctone com altos índices de biodiversidade e de produção de serviços de ecossistema. Nesta fase, podem candidatar-se as autarquias, outras entidades públicas e os órgãos gestores de baldios. As plantas estão disponíveis para a próxima época de (re)arborização, de novembro de 2021 a fevereiro de 2022.

Este período de candidaturas termina a 30 de setembro de 2021.

Para mais informação: http://www.florestacomum.org/candidaturas/nova-epoca-de-candidaturas/ 

 

 

28
Jul

Estratégia Europeia para a Floresta

No passado dia 16 de julho a Comissão Europeia adotou oficialmente  uma nova Estratégia Europeia para a Floresta. Esta Estratégia contribui para alcançar o pacote de medidas proposto para diminuir as emissões dos efeitos estufa em pelo menos 55%, entre outras medidas.

Para mais informação: https://ec.europa.eu/commission/presscorner/detail/en/IP_21_3723

Documento final: COM(2021) 572 final

11
Mar

Conferência Anual da Rede ERIAFF

A Rede ERIAFF, Rede Europeia para a Inovação na Agricultura, Alimentação e Floresta, vai realizar a conferência anual em Florença (Itália) no próximo dia 27 de Março.

Durante 4 dias, os principais agentes europeus ligados ao desenvolvimento agrícola, alimentar e florestal participarão numa série de sessões temáticas e outras atividades paralelas, que permitirão a troca de conhecimentos, criação de redes internacionais e debater a nível internacional sobre o papel do desenvolvimento rural na promoção da inovação.

A participação no evento é gratuita, no entanto devem realizar a inscrição através do site da ERIAFF http://www.eriaff.com onde poderão consultar os detalhes do evento.

25
Fev

Alto Tâmega Florestal nº5

Encontra-se já disponível a 5.ª edição da Newsletter do projeto “Programa de Apoio ao Reforço da Competitividade das PME do Setor Florestal do Alto Tâmega” aprovado no âmbito do programa NORTE 2020 – SISTEMA DE APOIO ÀS AÇÕES COLETIVAS “QUALIFICAÇÃO” cujo promotor é a Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega.

Pode consultar aqui a : Newsletter Alto Tâmega Florestal

22
Fev

Valorizar a floresta do Alto Tâmega

Realizou-se ontem, dia 21 de Fevereiro, em Vila Pouca de Aguiar o Seminário de Encerramento do projeto SIAC – Programa de Apoio ao Reforço da Competitividade das PME do Setor Florestal do Alto Tâmega, cujo promotor é a Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega.

Neste seminário da CIMAT e Associação de Municípios do Alto Tâmega (Boticas, Chaves, Montalegre, Ribeira de Pena, Valpaços e Vila Pouca de Aguiar) foram apresentados os resultados do Programa de Apoio ao Reforço da Competitividade das PME do setor florestal da região, num seminário final, realizado no Auditório Municipal do Palacete Silva, em Vila Pouca de Aguiar.

O projeto consistiu na implementação de um conjunto de ações que envolveu todos os agentes do setor, no sentido de reforçar a capacidade de criar valor no mesmo, e aumentar a sua visibilidade e reconhecimento, no país e além fronteiras.
Foi também enaltecido o conhecimento que a Associação de Desenvolvimento da Região do Alto Tâmega (ADRAT) tem do setor florestal.