divulgação

15
Jun

Sessão de Esclarecimento – Chaves

Não perca esta sessão de esclarecimento sobre os apoios comunitários que decorrerá no próximo dia 20 de Junho, pelas 10h00 na sede da ADRAT, situada no Parque Empresarial Av. da Cooperação, Edifício INDITRANS, Lote AI – nº2.

8
Jun

Sessão de Esclarecimento – Montalegre

 

Não perca estas sessões de esclarecimento sobre os apoios comunitários que decorrerão no próximo dia 14 de Junho, pelas 10h30 no Pavilhão Multiusos de Montalegre e pelas 14h30 no Pólo do Ecomuseu, Salto.

 

 

7
Jun

Sessão de Esclarecimento – Boticas

Não perca esta sessão de esclarecimento sobre os apoios comunitários que decorrerá no próximo dia 11 de Junho, pelas 19h00 no Auditório Municipal em Boticas.

 

5
Jul

Artesanato: candidaturas abertas para apoios

O período de candidaturas para os apoios à organização de feiras e certames de promoção e comercialização de artesanato, ou de certames de natureza diversa, mas com espaço dedicado ao artesanato, decorre entre 1 de julho e 31 de outubro de 2017.

O Programa de Promoção das Artes e Ofícios, criado pelo Decreto-Lei n.º 122/2015, de 30 de junho, visa a valorização, a recuperação e o enriquecimento das atividades artesanais através, nomeadamente, da renovação de saberes, da promoção de competências, da criação de emprego e de apoios ao investimento, à promoção e à comercialização.

Este Programa é constituído por quatro eixos de intervenção, que integram um conjunto diversificado de modalidades de apoio.

No âmbito do Eixo de Intervenção Promoção das Artes e Ofícios estão previstos apoios:

• À participação de unidades produtivas artesanais em feiras e certames de promoção e comercialização de artesanato, ou em outras ações de promoção das produções artesanais, cuja relevância a justifique;

• À organização de feiras e certames de promoção e comercialização de artesanato, ou de certames de natureza diversa, mas com espaço dedicado ao artesanato.

Estes apoios, cujos procedimentos se encontram definidos no regulamento específico, visam:

• Contribuir para o desenvolvimento das artes, ofícios e microempresa artesanais, com enfoque especial na promoção da empregabilidade nas atividades artesanais;

• Aproximar os centros de produção e os centros de consumo, de forma a garantir a viabilidade económica e social deste setor, facilitando a integração das empresas de cariz artesanal no circuito comercial;

• Contribuir favoravelmente para a revitalização e consolidação deste setor no tecido produtivo nacional.

As candidaturas aos apoios à organização de feiras e certames de promoção e comercialização de artesanato, ou de certames de natureza diversa, mas com espaço dedicado ao artesanato devem ser apresentadas através do Portal Netemprego entre 1 de julho e 31 de outubro de cada ano, com uma antecedência mínima de 60 dias antes do início do certame.

Toda a informação sobre o Programa de Promoção das artes e ofícios aqui.