23
Mai

ADRAT com novo projeto POCTEP aprovado

No âmbito do 1º concurso do Programa POCTEP (Programa INTERREG V-A Espanha-Portugal 2014-2020), foi aprovado o projeto TROCO2 – Mercado Transfronteiriço de Intercâmbio de Carbono, tendo como parceiros portugueses a ADRAT e a Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega (CIMAT) e como parceiros espanhóis a Conselleria de Medio Rural da Xunta da Galiza, a Asociación de Empresarios de Transporte Discrecional de Mercancías de Pontevedra e a Cámara de Comercio de Pontevedra, Vigo y Vilagarcía de Arousa, que é também o beneficiário principal. O objetivo principal deste projeto de cooperação é melhorar o aproveitamento económico das florestas, com uma série de atividades que favoreçam a exploração comercial das florestas no âmbito das oportunidades que oferecem os mercados de carbono.

22
Abr

AVISO AQUANATUR

A ADRAT enquanto entidade Leader do Consórcio AQUANATUR estabelecido em parceria com a Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega e aprovado no âmbito da EEC PROVERE, atendendo à aproximação da fase final de negociação de todo o processo com as autoridades competentes, pretende estabilizar o Plano de Ação a financiar no âmbito deste projeto.

Assim, no seguimento da intenção de investimento anteriormente manifestada por Vª Exª e que, na primeira fase deste processo AQUANATUR – EEC PROVERE, foi incluída no respetivo Plano de Ação submetido, importa agora confirmar o V. interesse em manter essa intenção de investimento e eventual candidatura à obtenção de financiamento.

Deste modo e atendendo à iminente abertura de avisos de concursos para candidaturas a financiamentos, nomeadamente o SI2E (Portaria n.º 105/2017, de 10 de Março) e os avisos de candidatura nº 08/SI/2017 – “Inovação Produtiva” e nº 10/SI/2017 – “Empreendedorismo Qualificado e Criativo”, publicados no portal do Portugal 2020 e que deverão dar enquadramento aos investimentos propostos, torna-se extremamente importante que nos seja comunicado as intenções de investimento e eventuais candidaturas , no sentido de poderem ser incluídas do Plano de Ação da EEC PROVER – AQUANATUR.

A ADRAT coloca-se, desde já, à inteira disposição para todo o apoio que entenderem necessário.

17
Abr

Seminário Competitividade do Setor Florestal no Alto Tâmega

Decorreu no dia 11 de Abril, em Ribeira de Pena, o Seminário Competitividade do Setor Florestal no Alto Tâmega, organizado pela Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega (CIMAT) e Associação de Municípios do Alto Tâmega (AMAT), com a colaboração do Município de Ribeira de Pena e da ADRAT, que foi também convidada a para apresentar o projeto “Programa de apoio ao reforço da competitividade das PME do setor florestal do Alto Tâmega”, promovido pela CIMAT e AMAT, com o apoio do NORTE 2020. O primeiro painel de intervenções foi dedicado às “Boas Práticas e Oportunidades para o Setor Florestal”, com a intervenção do eng. António Salgueiro (Vice-presidente da Associação de Destiladores e Exploradores de Resina – RESIPINUS), do eng. Sérgio Ramos (Administrador da Allvision – Consulting and Training) e da eng. Margarida Barbosa (Comissão Técnica Florestal da Associação para Certificação Florestal do Minho-Lima – ACFML). O segundo painel foi subordinado às “Perspetivas Institucionais sobre a Competitividade da Floresta e Valorização do Território”, com intervenções da eng. Rosário Alves (Diretora Executiva da Associação Florestal de Portugal – FORESTIS), da prof. Maria Emília Silva (Diretora do Departamento de Ciências Florestais e Arquitetura Paisagista da UTAD). O evento terminou com um período de debate com a assistência, moderado e concluído pelo eng. Duarte Marques (Vereador do Município de Vila Pouca de Aguiar).