CIM do Alto Tâmega

20
Jul

Adrat presente na Feira “Norte Empreende – Sabores e Saberes Rurais”

 

Nos dias 13, 14 e 15 de julho decorreu a Feira “Norte Empreende – Sabores e Saberes Rurais”, na Alfandega do Porto, na qual a ADRAT marcou presença, juntamente com outras entidades parceiras do projeto EMER-N, Empreendedorismo em Meio Rural da Região Norte.
Para além da feira que contou com a presença de empreendedores de vários ramos do mundo rural, e onde tiveram a oportunidade de apresentar os seus produtos e negócios, decorreram também vários seminários e jornadas técnicas.

 

  • Oficina do Burel
    Oficina do Burel
12
Jul

“Norte Empreende – Sabores e Saberes Rurais”

É já nos próximos dias que decorre a feira “NORTE EMPREENDE – SABERES E SABORES RURAIS”, no âmbito do projeto EMER-N

Visite-nos e conheça 120 dos 200 novos negócios que o projeto EMER-N ajudou a criar.

Consulte o programa dos 3 dias aqui: https://goo.gl/913jyu

FEIRA “NORTE EMPREENDE – SABORES E SABERES RURAIS” LEVA À ALFÂNDEGA MAIS DE 120 EMPREENDEDORES

Entre o dia 13 e 15 de julho, a Alfândega do Porto recebe a feira que vai ser o epicentro do empreendedorismo em meio rural na região Norte (EMER-N). O projeto que estimula a criação de novos negócios, mostra agora cerca de 140 empresas dos mais de 900 projetos acompanhadas.

De 13 a 15 de julho a Alfândega do Porto acolhe a Mostra “NORTE EMPREENDE – SABORES E SABERES RURAIS”. Feira de serviços e produtos regionais, seminários, sessões de networking e animação cultural, uma iniciativa que se assume como o ponto alto e o testemunho dos resultados alcançados pela implementação na região Norte de Portugal do projeto EMER–N.
Através de uma rede de 15 entidades parcerias, apoiados por mais de 40 mentores e 20 especialistas, foi possível apoiar mais de 900 empreendedores e criar mais de 200 novos negócios, geradores de um volume de negócios superior a 20 milhões de euros. Os empreendedores dos setores da agricultura, turismo, agroalimentar, bebidas, artesanato e têxtil têm agora oportunidade de mostrar os seus produtos, procurando dar-lhes notoriedade e visibilidade junto dos seus potenciais clientes.


O coordenador do projeto, Francisco Araújo, explica que “em conjunto, todos estes produtos, reúnem as potencialidades, as riquezas e as especificidades do nosso mundo rural, permitindo construir uma oferta integrada para o visitante que busca um contacto mais íntimo com um território de excelência e em simultâneo demonstra a vitalidade económica dos territórios rurais do Norte de Portugal”.

O projeto EMER-N resulta de uma parceria de 15 entidades, das quais 2 Associações Empresariais (In.Cubo e IET – Instituto Empresarial do Tâmega), 3 Instituições do Sistema Cientifico e Tecnológico Nacional (UTAD, Instituto Politécnico de Viana do Castelo e Instituto Politécnico de Bragança) e 10 Associações de Desenvolvimento Local (Ader-Sousa, Adrat, Adritem, Adrimag, Atahca, Adriminho, Corane, Desteque, Dolmen e Douro Superior), financiado pelo Programa Operacional Regional NORTE 2020, através do FEDER. Sendo implementado ao longo dos dois últimos anos, através de uma metodologia de apoio de proximidade por técnicos de experiência comprovada, a empreendedores, aos micro e pequenos negócios e criação de empresas.

Pretende-se com este evento, mostrar dinamismo dos empreendedores dos territórios de baixa densidade dos 86 municípios do Norte de Portugal. Igualmente evidenciam-se as potencialidades do interior, dinamizando o seu tecido económico e empresarial, criando emprego e riqueza, apostando no rendimento como fator determinante para sediar população e revitalizar o território. O interior, com investimento, é um espaço de oportunidades onde é possível empreender, inovar e ter sucesso, evitando-se o crónico esquecimento que tem sido votado. O EMER-N é um investimento no fator mais importante dos territórios que são as pessoas, outras medidas urge tomar em benefício do interior e do seu futuro.
Mais informações no website do evento norteempreende.emern.pt

Link evento criado no facebook: https://www.facebook.com/events/1994149520617407/

 

28
Jun

“Norte Empreende – Sabores e Saberes Rurais”

FEIRA “NORTE EMPREENDE – SABORES E SABERES RURAIS” LEVA À ALFÂNDEGA MAIS DE 120 EMPREENDEDORES

Entre o dia 13 e 15 de julho, a Alfândega do Porto recebe a feira que vai ser o epicentro do empreendedorismo em meio rural na região Norte (EMER-N). O projeto que estimula a criação de novos negócios, mostra agora cerca de 140 empresas dos mais de 900 projetos acompanhadas.

De 13 a 15 de julho a Alfândega do Porto acolhe a Mostra “NORTE EMPREENDE – SABORES E SABERES RURAIS”. Feira de serviços e produtos regionais, seminários, sessões de networking e animação cultural, uma iniciativa que se assume como o ponto alto e o testemunho dos resultados alcançados pela implementação na região Norte de Portugal do projeto EMER–N.
Através de uma rede de 15 entidades parcerias, apoiados por mais de 40 mentores e 20 especialistas, foi possível apoiar mais de 900 empreendedores e criar mais de 200 novos negócios, geradores de um volume de negócios superior a 20 milhões de euros. Os empreendedores dos setores da agricultura, turismo, agroalimentar, bebidas, artesanato e têxtil têm agora oportunidade de mostrar os seus produtos, procurando dar-lhes notoriedade e visibilidade junto dos seus potenciais clientes.

 


O coordenador do projeto, Francisco Araújo, explica que “em conjunto, todos estes produtos, reúnem as potencialidades, as riquezas e as especificidades do nosso mundo rural, permitindo construir uma oferta integrada para o visitante que busca um contacto mais íntimo com um território de excelência e em simultâneo demonstra a vitalidade económica dos territórios rurais do Norte de Portugal”.

 

O projeto EMER-N resulta de uma parceria de 15 entidades, das quais 2 Associações Empresariais (In.Cubo e IET – Instituto Empresarial do Tâmega), 3 Instituições do Sistema Cientifico e Tecnológico Nacional (UTAD, Instituto Politécnico de Viana do Castelo e Instituto Politécnico de Bragança) e 10 Associações de Desenvolvimento Local (Ader-Sousa, Adrat, Adritem, Adrimag, Atahca, Adriminho, Corane, Desteque, Dolmen e Douro Superior), financiado pelo Programa Operacional Regional NORTE 2020, através do FEDER. Sendo implementado ao longo dos dois últimos anos, através de uma metodologia de apoio de proximidade por técnicos de experiência comprovada, a empreendedores, aos micro e pequenos negócios e criação de empresas.

 

Pretende-se com este evento, mostrar dinamismo dos empreendedores dos territórios de baixa densidade dos 86 municípios do Norte de Portugal. Igualmente evidenciam-se as potencialidades do interior, dinamizando o seu tecido económico e empresarial, criando emprego e riqueza, apostando no rendimento como fator determinante para sediar população e revitalizar o território. O interior, com investimento, é um espaço de oportunidades onde é possível empreender, inovar e ter sucesso, evitando-se o crónico esquecimento que tem sido votado. O EMER-N é um investimento no fator mais importante dos territórios que são as pessoas, outras medidas urge tomar em benefício do interior e do seu futuro.
Mais informações no website do evento norteempreende.emern.pt

Link evento criado no facebook: https://www.facebook.com/events/1994149520617407/

25
Mai

II Fórum do Empreendedor EMER-N

 

Decorreu no passado 23 de Maio, na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (Vila Real), o II Fórum do Empreendedor EMER-N.

Esta iniciativa reuniu empreendedores, empresários, técnicos e investigadores, acompanhados ou não, pelo EMER-N, com intuito de promover a partilha de experiências, o estabelecimento de novas parcerias e o trabalho colaborativo.

22
Abr

AVISO AQUANATUR

A ADRAT enquanto entidade Leader do Consórcio AQUANATUR estabelecido em parceria com a Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega e aprovado no âmbito da EEC PROVERE, atendendo à aproximação da fase final de negociação de todo o processo com as autoridades competentes, pretende estabilizar o Plano de Ação a financiar no âmbito deste projeto.

Assim, no seguimento da intenção de investimento anteriormente manifestada por Vª Exª e que, na primeira fase deste processo AQUANATUR – EEC PROVERE, foi incluída no respetivo Plano de Ação submetido, importa agora confirmar o V. interesse em manter essa intenção de investimento e eventual candidatura à obtenção de financiamento.

Deste modo e atendendo à iminente abertura de avisos de concursos para candidaturas a financiamentos, nomeadamente o SI2E (Portaria n.º 105/2017, de 10 de Março) e os avisos de candidatura nº 08/SI/2017 – “Inovação Produtiva” e nº 10/SI/2017 – “Empreendedorismo Qualificado e Criativo”, publicados no portal do Portugal 2020 e que deverão dar enquadramento aos investimentos propostos, torna-se extremamente importante que nos seja comunicado as intenções de investimento e eventuais candidaturas , no sentido de poderem ser incluídas do Plano de Ação da EEC PROVER – AQUANATUR.

A ADRAT coloca-se, desde já, à inteira disposição para todo o apoio que entenderem necessário.

10
Fev

Reunião EMER-N

No âmbito do projeto EMER-N – Empreendedorismo em Meio Rural na Região do Norte, foi realizada uma reunião no passado dia 8 de fevereiro de 2017.
Na sequência do nosso pedido de reunião com as diferentes CIMs para a apresentação do projeto EMERN, da sua metodologia e da envolvência de cada CIM na implementação do mesmo, a CIM do Alto Tâmega agendou esse encontro para o dia 8 de Fevereiro, quarta-feira, pelas 10h30, nas suas instalações, em Chaves.
Na reunião estiveram presentes representantes da ADRAT, CIM do Alto Tâmega, Incubo, IET, UTAD e IPB.