18
Jul

Competitividade das PME do Setor Florestal do Alto Tâmega

Realizou-se no passado dia 14 de Julho, na ADRAT, uma reunião de trabalho com agentes do setor florestal do Alto Tâmega, concretamente do setor associativo e empresarial. Além da apresentação do ponto de situação da execução do projeto “Programa de Apoio ao Reforço da Competitividade das PME do Setor da Floresta do Alto Tâmega”, promovido pela Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega (CIMAT) e Associação de Municípios do Alto Tâmega (AMAT), com o apoio da ADRAT, foram abordados vários aspetos relacionados com o contexto do setor florestal na região e a necessidade de maior envolvimento e participação do setor empresarial neste tipo de iniciativas e projetos.
Neste momento está em curso o Diagnóstico do Setor Florestal e dos seus agentes, com a recolha de informação sobre as PME através de um questionário de resposta voluntária, a que se apela seja respondido por todas as empresas ligadas ao setor florestal e que está disponível para preenchimento e resposta online, na seguinte ligação: https://goo.gl/forms/Aww8QP98BVRstLBI3

17
Abr

Seminário Competitividade do Setor Florestal no Alto Tâmega

Decorreu no dia 11 de Abril, em Ribeira de Pena, o Seminário Competitividade do Setor Florestal no Alto Tâmega, organizado pela Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega (CIMAT) e Associação de Municípios do Alto Tâmega (AMAT), com a colaboração do Município de Ribeira de Pena e da ADRAT, que foi também convidada a para apresentar o projeto “Programa de apoio ao reforço da competitividade das PME do setor florestal do Alto Tâmega”, promovido pela CIMAT e AMAT, com o apoio do NORTE 2020. O primeiro painel de intervenções foi dedicado às “Boas Práticas e Oportunidades para o Setor Florestal”, com a intervenção do eng. António Salgueiro (Vice-presidente da Associação de Destiladores e Exploradores de Resina – RESIPINUS), do eng. Sérgio Ramos (Administrador da Allvision – Consulting and Training) e da eng. Margarida Barbosa (Comissão Técnica Florestal da Associação para Certificação Florestal do Minho-Lima – ACFML). O segundo painel foi subordinado às “Perspetivas Institucionais sobre a Competitividade da Floresta e Valorização do Território”, com intervenções da eng. Rosário Alves (Diretora Executiva da Associação Florestal de Portugal – FORESTIS), da prof. Maria Emília Silva (Diretora do Departamento de Ciências Florestais e Arquitetura Paisagista da UTAD). O evento terminou com um período de debate com a assistência, moderado e concluído pelo eng. Duarte Marques (Vereador do Município de Vila Pouca de Aguiar).